Seguidores

sábado, 25 de janeiro de 2014

Estendo





Estendo as mãos abertas
procurando lugar vazio
na noite de sombras incertas

silencio o tempo que voa
por entre espaços escondidos
onde o  meu corpo é a proa

canto imagens em colcheias
fundindo-se em movimentos
nas ondas  de maré cheia

as nuvens cor de marfim
são  a luz que me encandeia
e brisa que pousa em mim

Como lava incandescente
cuspida de um vulcão
agora é água do rio
que cai mole na planície
se espraia no coração

E ficarei até à aurora
florirás no meu orvalho
enquanto o sol demora.

 Manuela Barroso, in "Eu Poético VI"
Imagem:net

                                               

16 comentários:

✿ chica disse...

Sempre maravilhosas poesias, Manuela!!Adoro te ler!! beijos praianos, lindo fds!chica

Miguel disse...

Bom dia, Manuela
Um belíssimo poema, todo ele ESPERANÇA, que nos dá vontade de viver.

Publiquei ontem mais um pequenino post.
Quer ir vê-lo?

Um beijo do amigo
Miguel

POETA CIGANO disse...


Querida amiga e poetisa Manuela !!!!!!

Passando por aqui para deixar o meu Abraço e carinho, ao mesmo tempo, Deleitar-me com a beleza de seu Blogue E conteúdos, como também, desejar-lhe Um fim de semana maravilhoso, com Muita Paz, Luz, Amor e felicidade em
Seu coração!
Um dos Poemas mais lindos que tive a oportunidade de ler. Meus parabéns.
Beijos de luz !!!!!!!!

POETA CIGANO – 25/01/2014

http://carlosrimolo.blogspot.com
“Poesias do Poeta Cigano”

POETA CIGANO disse...


Querida amiga e poetisa Manuela !!!!!!

Passando por aqui para deixar o meu Abraço e carinho, ao mesmo tempo, Deleitar-me com a beleza de seu Blogue E conteúdos, como também, desejar-lhe Um fim de semana maravilhoso, com Muita Paz, Luz, Amor e felicidade em
Seu coração!
Um dos Poemas mais lindos que tive a oportunidade de ler. Meus parabéns.
Beijos de luz !!!!!!!!

POETA CIGANO – 25/01/2014

http://carlosrimolo.blogspot.com
“Poesias do Poeta Cigano”

Joaninha Musical disse...

Adorei o poema linda Manuela,para ti eu desejo tudo de bom!! Muitos beijinhos,fica com deus e até breve!! http://musiquinhasdajoaninha.blogspot.pt

Beatriz Bragança disse...

Querida Manuela
«Estendes as maos,silencias o tempo e cantas» de forma sublime, como sempre.
Cantas e encantas quem te l^e.
Obrigada por tanta beleza expressa em palavras.
Beijinhos
Beatriz

Evanir disse...

Que tenhamos fé e esperança sempre e que a
gente não desista dos nossos sonhos.
Hoje venho agradecer seu carinho
peço desculpas pela grande demora.
aqui do outro lado da telinha
eu jamais esqueço de você.
Fiquei muito feliz em saber
o quanto posso me alegrar com sua amizade
O quanto é possível poder contar contigo.
no caso de gostar de mimos deixei
na postagem como é simples mais de todo coração.
Receba meu carinho meu afeto hoje
e sempre .
Evanir.
Amiga querida estou encantada ao ler seu poema .
Não tenho como esquecer quantas vezes me cedeu seus poemas.Eu já comecei postar outra vez com mais espaço devido meus problemas .
Com certeza se me deixar postarei sua também anjo de de amiga.

rosa-branca disse...

Querida amiga, já não tenho mãos para agarrar tanta beleza. Maravilhoso. Beijos com carinho

Gracita disse...

Olá querida comadre
Querro ter mãos gigantes para atravessar o oceano e agarrar tanta beleza e magia nestes exuberantes
“A amizade é fundamental em nossas vidas. Por isso agradeço a Deus pelas pessoas que ocupam um lugar especial em meu coração. Você é uma delas! Obrigada por seu carinho” E para estreitar os laços da nossa amizade estou lhe oferecendo um singelo mimo. Acesse aqui... http://gracitamensagens.blogspot.com.br/2014/01/o-valor-de-uma-amizade.html e pegue o seu. Tenha um lindo final de semana.
Beijos com afeto
Gracita

Pérola disse...

És melodia que entoa cada nota em tal harmonia que se assemelha a hino celestial.

Ficas até à aurora, esperando, de mãos estendidas, em demandas doces.

beijos

Mariazita disse...

Olá, Manuela
E enquanto o sol demora... vamo-nos deleitando com a poesia existente neste espaço, sempre da melhor qualidade!
Óptimo poema.

Muito obrigada pelas palavras de carinho e apoio lá na minha «CASA».
É um campo novo para mim - a poesia - que estou apenas tateando.
Tentarei corresponder ao apoio recebido de todos os meus comentadores que - tal como a poesia que se vive nesta casa - s
ao da melhor qualidade.
Obrigada mais uma vez, minha amiga.

Beijinhos

Anne Lieri disse...

Poesia muito linda MANUELA! Tem belas inspirações! bjs e ótima semaninha!

LUZ disse...

Olá, querida amiga, Manuela!

Como tem passado? Com frio, certamente, se estiver em Portugal.

Vamos até à Austrália?

Peço desculpa, por nunca mais a ter vindo visitar, mas vida de Professora, é mesmo assim, aliás, conhece-a, por dentro e por fora.

"Estendo". Bem, era bom se eu tivesse palavras e capacidade para comentar aquilo que a menina escreve, mas ainda não arranjei, nem julgo ser capaz, de um dia, arranjar frases à altura daquilo que nos dá a ler, mas ficar-me pelo "muito lindo", também não me sabe a nada, porque eu QUERO dizer mais.

É nesse período de tempo, em que estende todos os seus sentimentos, vontades, anseios, que elabora, que borda, interiormente, toda este manta, que não é de retalhos, mas de arte e talento.

Que bom que tudo venha a acontecer, entre as várias notas da pauta musical do amor, e um SOL, que vai tardar, porque ele foi avisado e repreendido pela lua, para que os amantes se pudessem gozar, um do outro, com eternidade, portanto, sem relógio.

Não uso relógio há anos, e não gosto de "timings", embora, tenha de cumprir alguns, porque sou um ser social.

A lua, a "mulher" tem uma sensibilidade fora do comum, e é "matreira", convenhamos.

Boa semana.

Beijos da Luz, com estima.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Sempre estamos
a espera,
de que a alegria
em qualquer
uma de suas formas,
floresça em nós...

Ser feliz,
é deixar-se engravidar
pela simplicidade da alegria.

lis disse...

Que o sol não demore a emitir seus raios de luz por onde andar Manuela,
adorei a poesia_ essa espera de palavras encantadoras.
parabéns
abraços

Graça Pires disse...

Um lindo poema. Para rezar ou para cantar...
Beijos.