Seguidores

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Cálidas...


Cálidas folhas de nuvens
sobrevoam os meus olhos
Abro as mãos
que num suspiro lento
acenam saudades
ao vento
com fome da tua pele
E tu, amor,
colhes o enigma do perfume
no azul do pensamento
no sussurro de um silêncio
denso
E na vertigem do amor
colho o êxtase das paisagens
nos olhos da tua mão
borboletas
sobrevoando a
falésia
deste mar
em contínua oscilação.


Manuela Barroso

Pintura de Vladimir Volegov
                                                 

16 comentários:

ELAINE disse...

Olá!Navegando pela Net, te encontrei, gostei e já estou seguindo! Ficarei muito feliz e honrada se puderes retribuir me seguindo de volta!Então estou aqui pra avisar que tem post especial de carnaval! Vem! Tô te esperando! Feliz Carnaval! Abração cheio de confete e serpentina! Bjão no coração!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/
http://www.dihitt.com.br/elaineaverbuch
http://twitter.com/@elaineaverbuch

Sandra disse...

Parabéns pelas lindas poesias Manuela. Está tudo um encanto por aqui. Já estou seguindo este tbém.
Um grande abraço
Sandra

✿ chica disse...

Linda e bem inspirada tua poesia!!beijos,ótimo fds,chica

Maria disse...

Manuela adorei o seu cantinho, escreve com o coração e toca assim a alma de quem lê, meus sinceros parabéns.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

Leninha disse...

Manu querida,

A saudade da pele ë dorida e machuca,ë a pior saudade que existe,amiga...como diz o poeta(dois pontos)

a saudade mais dolorida é a saudade de quem se ama.
Saudade da pele, do cheiro, dos beijos.
Saudade da presença, e até da ausência consentida.


Bjssssss,
Leninha

Silvia Ordonhes disse...

Parabéns lindo texto!!!
Amo...beijos e bom carnaval
amiga linda!!!

Paz e luz para humanidade

Duarte disse...

Gosto do modo como manejas a metáfora, fazendo aparecer, onde menos se espera, palavras cheias de encanto, das que provocam essa oscilação que evocas.
Bonito.
Um grande abraço

mfc disse...

Um poema encantado e que encanta!
Um poema onde os sorrisos são as borboletas, as falésias, as paisagens e o mar!

ELAINE disse...

Vc tem um coração lindo! Obrigada pelo carinho!Excelente Carnaval, sambando ou descansando!Já pulei muito carnaval, agora fico em casa... Abraço fraterno e carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/
http://www.dihitt.com.br/elaineaverbuch
http://twitter.com/@elaineaverbuch

Helena Chiarello disse...

Às vezes fico parada diante dos teus versos, sem encontrar as palavras para dizer a emoção de lê-los, Manu... Então, deixo que cada pensamento encontre sozinho o caminho e pouse suavemente sobre as sensações que ficam flutuando à emoção de tuas palavras...

Perfeitos!
O poema, a imagem... e a beleza de tudo isso junto.

Um beijo gigante, querida amiga!

Evanir disse...

Estou passando mais cedo para desejar um feliz final de semana.
Meu fim de semana se Deus quiser será muito feliz e com certeza Deus quer.
Na sexta se casa meu neto logo serei bisa que benção não é mesmo?
Com alegria vendo minha terceira geração.
Um lindo e abençoado final de semana.
Fique com Deus e os carinhos meus.
Evanir.

lis disse...

Também cálidas ,apaixonantes são suas poesias Manuela
como uma pintura !

Aleatoriamente disse...

Toque suave, ee o poema nos diz tudo.Nele a delicadeza, de uma poetiza preciosa.
Colho daqui o sentimento delicado das flores raras.
É uma querida você Manu.

Beijo amada

maria selma disse...

Lindo poema escrito com o coração,
beijos amiga

A.S. disse...

Completamente deliciado por tão amorosa troca de sensações!... isso é amor na mais pura expressão poética!


Abraços,
AL

Beatriz Bragança disse...

Querida Manelinha
A saudade dói muito!
Este vai e vem em que, constantemente, vivemos, traz-nos momentos de sofrimento, que tu expressas sempre de uma belíssima forma poética.
Que leveza!
Que beleza!
Um beijinho
Beatriz