Seguidores

sábado, 11 de abril de 2015

Vultos




Espaço e Tempo numa enigmática "distância".
Lá, o mistério
Aqui, o Agora.
Permanece o Belo.
O Inquietante.


                     Manuela Barroso , "Acasos"

Adenda em 21-04: Amanhã dia 22-04, pelas 21H, estarei na Hora da Poesia, nesta rádio: http://www.radiovizela.pt/



12 comentários:

✿ chica disse...

Manuela,querida! Nem me surpreendo mais. Lindo e muito!!! bjs, tudo de bom(ainda curtindo o filhão por aqui!) chica

Gracita disse...

Brilhante composição poética Manuela
desejo=lhe um ótimo domingo
Beijos e carinhos no coração amiga

Olinda Melo disse...


Dois elementos que nos causam perplexidade.
O espaço físico, o mental, o espaço que ocupamos e o que devíamos ocupar, o espaço do outro, o espaço cosmos...
E o tempo essa coisa enigmática, lento e veloz, curto e longo, dependendo daquilo que esperamos da vida.

Bom domingo.

Bj

Olinda

Toninho disse...

Entre o tempo e o espaço nós com nossas manias de querer encurtar o tempo e aumentar o espaço, para o pouco que somos.
Reflexões sem dor.
Abraços Manuela.

lis disse...

Bom para reflexão.
O aqui e agora tão usado, ultimamente,
-para onde estamos indo?
beijinhos doce Manu

Graça Pires disse...

Tão inquietante como a vida...
Um beijo.

Ana Freire disse...

Harmonia deliciosa, entre imagens e palavras...
Um excelente espaço, por aqui...
Parabéns!
Ana

© Piedade Araújo Sol disse...

e o desassossego...

belíssima foto...

:)

ॐ Shirley ॐ disse...

Manuela, quem ama está sempre inquieta...
Beijos!

lis disse...

Oi Manuela
Voltando pra te abraçar e respeitosamente informar que levei seu poema para comemorar comigo o aniversário do blog 'flor de lis'.
Quando der ,passa lá _ não tem festa só um bate-papo de amigos queridos.
com muito carinho deixo abraços e agradeço deixar que seja íntima a ponto de não pedir autorização para 'roubar-lhe' a voz.
grande abraço e bom domingo

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Visitei o seu blogue e gostei bastante, é muito interessante.
Um abraço e bom Domingo.

Lourdinha Vilela disse...

Oi Manuela, venho lá do blog da Lis Costa para conhecer seu espaço. Confesso que me encantei com os poemas e imagens. Belíssimo Blog.
Um grande abraço.